Ansiedade na Pandemia de Covid-19

Apesar da Ansiedade ser uma manifestação natural do nosso corpo, as vezes ela pode ser provocada por situações do atual presente. Diante do novo Coronavírus (Covid-19), aprender a lidar com seus sintomas é muito importante, pois assim poderá evitar impacto na saúde mental.

É normal as pessoas terem medo de algo desconhecido, porém o medo, a insegurança do futuro diante a Covid-19 vem aumentando em todo o mundo, gerando assim, pessoas mais ansiosas e sem esperança no amanhã, abrindo margens para transtornos mais preocupantes do que a própria Ansiedade, como a Depressão, mas sobre isso, falarei num próximo momento.

Confira abaixo, orientações de como poder identificar e controlar sua ansiedade durante esse período de quarentena.

Lembrando que são apenas alguns pontos para identificação e controle. Esse informativo não é e nem pode ser utilizado para diagnóstico e tratamento. Para isso, procure um profissional de Psicologia para lhe acompanhar da melhor maneira e com eficaz.

Sinais de identificação de Ansiedade durante a pandemia:

1- Nervosismo,

2- Dificuldade de concentração,

3- Medo constante,

4- Irritabilidade e Agitação,

5- Insônia,

6- Cansaço além do costume.

Como controlar a Ansiedade diante da pandemia:

1- Separe o que você pode controlar (lavar as mãos, sair de casa apenas se for necessário, meios de prevenção) do que não pode (ter controle do que está acontecendo),

2- Busque informações confiáveis uma vez por dia,

3- Alimenta-se bem e beba bastante água,

4- Pratique pelo menos 2 ou 3x algum exercício físico mesmo que em casa,

5- Faça atividades relaxantes como ler um livro, pinturas, ouvir música, assistir filmes ou o que lhe agradar,

6- Se tiver medo, pense em outros momentos difíceis que já superou antes,

7- Se precisar, busque ajuda profissional. Não tenha vergonha!

O que aumenta a Ansiedade durante a Pandemia:

1- Pensar e falar constantemente na doença,

2- Informações em excesso,

3- Pensamentos relacionados à morte sobre a doença,

4- Acreditar em tudo que lê na internet sobre o assunto.

Terapia Online – Como é?

O que é um atendimento online?

O atendimento online garante a facilidade, agilidade e qualidade no atendimento ao paciente. Sempre de forma sigilosa, como no presencial e em tempo real, permitindo um acompanhamento mais detalhado do caso e desenvolvimento do mesmo em avaliação.

Como ter um bom aproveitamento do atendimento online?

O importante é que seja verificado a conexão de internet antes de iniciar a sessão, para que não haja cortes durante a vídeo chamada. Além disso, uns dos pontos indispensáveis, é manter o compromisso diante do terapeuta de não esconder os fatos, ser dedicado, valorizar seu investimento e sua vida acima de tudo, para assim poder ter ganhos mais rápido e com qualidade.

Qualquer pessoa pode fazer um atendimento online?

Sim. Desde que tenha facilidade ou acesso, com ajuda de alguém, a um computador ou smartfone, além claro, possuir conexão de internet. Algumas crianças e idosos não aderem muito à sessão online, pois tem a necessidade de um acompanhamento presencial, mas nada os impede de que ser houver a vontade, tentar.

Qual acompanhamento é mais eficaz? Presencial ou online?

Não existe nenhum dado comprovado um método melhor do que o outro. Qualquer um dos dois é feito um serviço com a mesma qualidade. Alguns transtornos mentais necessitam da presença física, para aplicação de técnicas presenciais, mas nada impede de iniciar pelo formato online. O principal responsável para ter sucesso na terapia é o próprio paciente, seja online ou não.

Tem diferença de tempo de sessão online X sessão presencial?

Não. Não tem como determinar tempo de acompanhamento. Como dito acima, tudo dependerá do desenvolvimento do paciente.

É permitido o atendimento terapêutico online por lei?

É sim. O importante antes de iniciar a escolha do psicólogo para o seu acompanhamento, é verificar se ele está inscrito no Conselho Regional de Psicologia e no Cadastro Nacional de Psicologia, para certificar-se que ele está apto e liberado para tal atendimento. Caso tenha dúvidas sobre o registro de algum profissional, ligue para o número do Conselho da sua cidade.

Para mais informações, envie um contato.